quinta-feira, 26 de março de 2020

38° Homicidio em Mossoró 2020: Ex-presidiário é baleado no Santo Antônio e morre no Hospital Tarcísio Maia.

A ocorrência foi registrada na tarde desta quarta feira 25 de março de 2020, na Rua Juvenal Lamartine no Bairro Santo Antônio em Mossoró na região Oeste do Rio Grande do Norte.
Um homem identificado como Cláudio Fernandes de Lima conhecido como "Fernando Matador", morador do Santa Helena e suspeito de envolvimento em assaltos e homicídio, foi baleado na cabeça após ser perseguido pelo atirador.

Informações preliminares dadas pela PM, apontam que o elemento teria praticado um assalto em um estabelecimento comercial e quando saía do local em uma moto com queixa de roubo, foi surpreendido por um popular não identificado que atirou contra o assaltante.
Fernando Matador como era mais conhecido, portava um revolver calibre 38 municiado que ficou entre o corpo  e a moto roubada. Segundo a Polícia Militar o veículo havia sido roubado na terça feira (24) na Alameda dos Cajueiros região do Planalto 13 de Maio.
Uma equipe de suporte avançado do Samu foi ao local e após realizar os primeiros atendimentos, conduziu o ex-presidiário para o Hospital Tarcísio Maia, porém ele não resistiu e morreu minutos após dar entrada na Unidade Hospitalar.
A Polícia informou que Fernando Matador havia deixado a prisão a pouco menos de 10 dias e já estava praticando assaltos em Mossoró. Ele respondia processos na justiça por crimes de tráfico de drogas, na comarca de Assu, Porte de arma de fogo, Homicídio qualificado, na comarca de Mossoró e roubo na comarca de Pau dos Ferros.
Fernando Matador foi denunciado pelo Ministério Público pelo assassinato de Lázaro Nunes o "Lazinho", ocorrido no ano de 2015 no Bairro Santo Antônio e estava aguardando julgamento pelo Tribunal do Juri Popular de Mossoró.

O corpo será removido do necrotério do HRTM por uma funerária e encaminhado ao ITEP onde será examinado e depois liberado. Esse é o terceiro homicídio registrado em Mossoró em menos de 24 horas. A cidade passa a contabilizar 38 Assassinatos no ano. Mais um caso para a Delegacia de Homicídios investigar.


Fim da linha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As mais visitadas