Copie o código Audima:

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Mulher acusada de mandar matar a mãe em 2015 na cidade de Macaíba fala pela 1ª vez sobre o crime


Quatro anos após um dos crimes que chocou o Rio Grande do Norte, a acusada de ser mandante senta no banco dos réus em júri popular no Fórum de Macaíba, Grande Natal, nesta quarta-feira (6). Talyani Lourenço é acusada de ter mandado matar a mãe, Normalice de Freitas Lourenço, 41 anos.

A vítima foi assassinada com golpes de marreta no dia 30 de julho de 2015. O pedreiro Geraldo José Amaro do Nascimento trabalhava na casa dela e confessou ter matado Normalice, mas apontou Talyane como a mandante do crime.

A mulher nega ter participação no crime. Ela falou pela primeira vez sobre o assassinato da mãe em entrevista exclusiva à TV Ponta Negra. Talyane relatou como era o relacionamento com a mãe e disse que é inocente.

Veja entrevista em OP9RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As mais visitadas