terça-feira, 7 de maio de 2019

“Os três grandes desafios do governo na comissão especial da reforma da Previdência

“A comissão especial da reforma da Previdência começa os trabalhos nesta terça-feira (7) e o governo tem três principais desafios definidos. O primeiro é evitar uma desidratação substancial do texto, que prevê uma economia de R$ 1,2 trilhão em até dez anos.

O segundo é acelerar as negociações para que o relator possa apresentar seu parecer em junho e a votação na comissão acontecer ainda no mesmo mês. O último grande desafio é, em paralelo às discussões na comissão, montar uma base de apoio capaz de garantir, no mínimo, os 308 votos necessários para aprovar a proposta no plenário da Câmara dos Deputados.

A primeira reunião da comissão especial acontece a partir das 14h30 desta terça-feira (7), com audiência marcada para quarta (8). É essa a comissão que analisará o mérito do texto, ou seja, o conteúdo. Os deputados membros da Comissão Especial da reforma da Previdência podem apresentar emendas para retirar, incluir ou mudar trechos. Ao final, o relator deve apresentar um substitutivo, tentando equilibrar o que quer o governo com as emendas apresentadas pelos parlamentares.

1º desafio: evitar a desidratação
(mais…)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

As mais visitadas