segunda-feira, 13 de maio de 2019

Acusado de matar vendedor ambulante durante comemoração política é condenado a 15 anos de prisão


Vivaldo Araújo, principal suspeito de ter matado com quatro tiros um vendedor ambulante no dia 10 de outubro de 2010, foi condenado a 15 anos de prisão em regime fechado pelo crime de homicídio duplamente qualificado. A vitima foi um vendedor ambulante Edmilson Simão Nunes.

O crime aconteceu na Avenida João Pessoa, próximo a delegacia da polícia civil, onde Vivaldo Araújo, conhecido como "Galego de Assú", depois de pegar uma garrafa de whisky do carrinho do vendedor.

Vivaldo Araújo após ser empurrado pelo vendedor, sacou um revólver e matou com quatro tiros Edmilson Simão, em meio a multidão durante um arrastão político.

A vitima ainda chegou a ser socorrido mais já chegou sem vida ao hospital regional de Assu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Colisão carro com moto deixa uma pessoa morta em Caraúbas.

A policia militar foi acionada na manha desta sexta feira para a RN 233, um trecho entre a UFERSA e o contorno da cidade de Caraúbas. U...