segunda-feira, 13 de maio de 2019

Acusado de matar ex-namorada em academia no ano de 2015 em Mossoró, vai a juri popular nesta terça feira.

 O Tribunal do Juri Popular de Mossoró, julga nesta terça feira, 14 de maio de 2019, o réu,  Oliveira Carlos de Araujo, de 44 anos, pelo assassinato de sua ex-namorada, Cristiane Bezerra de Moura Câmara, na época com 38 anos.
O crime aconteceu no dia 27 de julho 2015 em uma academia de ginástica no Bairro Dom Jaime Câmara em Mossoró. A vítima que segundo a investigação da Delegacia de Homicídios, tinha acabado o relacionamento com o acusado, foi morta com cerca de cinco tiros, poucos minutos depois de chagar a academia.
Imagem
Oliveira Carlos, só foi preso três anos depois do crime, ou seja 19 de julho de 2019. Ele foi localizado pela equipe da Divisão de Polícia do Oeste (Divipoe) na época comandada pelo Dr. Renato Oliveira, em um sítio na zona rural de Almino Afonso.

O julgamento começa as 08h30min desta terça feira (14), no auditório do Fórum Desenbargador Silveira Martins e será presidido pelo juiz Vagnos Kelly de Figueiredo.

Na acusação atuará o promotor de justiça, representante do Ministério Público Estadual, Dr. Armando Lúcio Ribeiro e na defesa do réu atuará o advogado Francisco Simone.

O Conselho de jurados, formado por sete membros da sociedade mossoroese, é que vai decidir se o réu é culpado e condená-lo ou se é inocente e absolvê-lo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

68º Homicidio em Mossoró 2019: Jovem é executado a tiros no Conjunto Jardim das Palmeiras nas Malvinas

 Um jovem identificado como Jhonatan Neves da Costa Sousa, 18 anos  foi executado a tiros na manhã desta quinta feira, 23 de maio de 2019 ...