quinta-feira, 28 de março de 2019

Grupo se passa por policiais, simula prisão de desafeto e comete ‘homicídio em Assu’


A polícia do Assu registrou um crime de homicídio nas primeiras horas do dia, nesta quinta feira, no qual foi vítima o jovem Éricles Alexandre, de 22 anos de idade.

Um grupo de criminosos se passou por policiais e invadiu a residência da vítima, por volta das 5hs. O jovem foi retirado para fora do imóvel onde residia e executado.

O crime se deu na rua 16 de Outubro. A polícia ainda não sabe precisar a motivação do crime e as possíveis armade fogo usadas para executar Éricles Alexandre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Senado aprova proposta que suspende decreto das armas

Apesar da pressão do presidente Jair Bolsonaro, o Senado derrubou por 47 votos a 28 o decreto que flexibiliza as regras para o porte de arm...