quinta-feira, 7 de março de 2019

Filho de ex-prefeita de Pires do Rio é suspeito de matar a esposa e cometer suicídio em seguida

O crime aconteceu por volta de 22 horas desta quarta-feira (06). De acordo com relato de testemunhas, a mulher havia acabado de chegar da missa quando o casal discutiu

O corpo do casal foi levado para o IML de Caldas Novas (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)

O empresário e filho da ex-prefeita de Pires do Rio, Fábio Tomazini, 42 anos, é suspeito de matar a esposa a facadas e depois cometer suicídio, na noite desta quarta-feira (6), no Setor Nova Vila, no município que fica na região Sudeste de Goiás.

O crime aconteceu por volta de 22 horas. De acordo com relato de testemunhas, Kátia Tomazini, 38 anos, havia acabado de chegar da missa quando o casal discutiu. Posteriormente, os corpos foram encontrados na cozinha da residência com perfurações de arma branca. A faca utilizada no crime foi apreendida pela Polícia Civil (PC)

Equipes dos bombeiros e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foram até o local e constataram a morte do casal. Um parente das vítimas acionou a Polícia Militar (PM), que isolou o local.

Após a perícia no local, os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Caldas Novas e foram liberados para os familiares às 7 horas desta quinta-feira (7). O Mais Goiás não teve informações sobre o velório e sepultamento.

Um inquérito foi instaurado e o caso será investigado como um feminicídio seguido de suicídio. O delegado responsável pela investigação do caso, Igor Carvalho, pretende ouvir familiares para concluir a motivação do crime.

“O que podemos confirmar até agora é que o casal já não morava na mesma casa. Eles deixaram um casal de filhos adolescentes”, explica o delegado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

TCE reprova contas do ex-prefeito de Ipanguaçu, Leonardo Oliveira, que fica inelegível

O Tribunal de Contas do Estado Rio Grande do Norte publicou nesta quinta-feira (22.08.2019) decisão que desaprovou as contas do ex-Pref...