quarta-feira, 27 de março de 2019

Criança é espancada pelo pai por demorar a fazer atividades da escola, diz polícia na PB

Do G1 PB - Um homem de 33 anos foi preso na tarde da terça-feira (26) suspeito de espancar o filho de 6 anos, em Campina Grande. De acordo com a Polícia Civil, a prisão aconteceu após a criança passar por exame de corpo de delito, que constatou que ela havia sido agredida pelo pai com fios, diversas vezes seguidas.

Em depoimento à Vara da Infância e Juventude, o menino contou que o pai o agredia porque ele demorava a fazer as atividades de casa passada pelo professor da escola.

A polícia foi acionada ao bairro da Ramadinha por uma moradora da região que viu o menino caminhando com a irmã dele. Segundo depoimento da mulher, ela percebeu as marcas dos ferimentos nas costas do menino e fez a denúncia.
A polícia foi até a casa do suspeito e constatou os ferimentos nas costas da criança. O menino foi levado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) para realizar exames de corpo de delito.

Segundo a delegada responsável pelo caso, Alba Tania, os resultados dos exames mostraram que a criança havia sido agredida diversas vezes com fios. Havia marcas de agressões cometidas pelo pai há 17, 15, 5 dias e há 24 horas antes.

O suspeito foi preso e encaminhado para a Central de Polícia Civil, onde permanece aguardando audiência de custódia prevista para a tarde desta quarta-feira (27). Ainda conforme a delegada, os pais da criança são separados e agora o menino está sob responsabilidade da mãe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Viciado em jogo on-line tenta matar mãe e padrasto após wi-fi ser desligado

Um homem de 29 anos, viciado em jogo por smartphone, tentou matar a mãe e padrasto após eles desligarem o roteador de wi-fi na casa em...