Rafael Branco acusado de homicídio, vai a juri popular nesta terça feira em Mossoró.


O Tribunal do Júri Popular de Mossoró volta a se reunir nesta terça-feira,  05 de fevereiro de 2019, para julgar o réu Rafael Michael Oliveira de Freitas, o "Rafael Branco", acusado de homicídio na cidade.

De acordo com a denúncia do Ministério Público Estadual, no dia 03 de novembro de 2013, por volta de 17h30min, no "bar da goiaba", localizado na Rua das Cajazeiras no Bairro Dom Jaime Câmara, em Mossoró RN, o denunciado Rafael Michael Oliveira de Freitas, conhecido por Branco, utilizando de arma de fogo, por motivo torpe, tentou matar a pessoa identificada nos autos apenas por "Clebinho", não assassinando a vítima por circunstancias alheias à sua vontade, já que a vítima conseguiu escapar dos disparos efetuados contra a mesma.

Nas mesmas circunstancias de tempo e no mesmo lugar, também por motivo torpe, fazendo uso de sua arma de fogo, o denunciado matou a vítima Isaú Soares Dantas, que seria irmão de "Clebinho", alvo principal do denunciado. O julgamento começa as 08h30min, no auditório do Forum Municipal Silveira Martins no Bairro Costa e Silva.

O promotor de justiça Dr. Carlos Henrique Harper Cox vai atuar na acusação do denunciado e os interesses do réu serão defendidos pelo Defensor Público, Dr. Diego de Melo da Fonseca. Os destinos do réu serão decididos pelo conselho de setença, formado por sete membros da sociedade mossoroense. É o Conselho de Jurados que decide se condena ou absolve o réu.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Policial é estuprada por oito menores e morta com 32 facadas na zona norte do Rio de Janeirori

Tragédia: Garota de 19 anos morre após tentar fazer sexo com foguete em motel

Homem deixa esposa para ficar com o sogro