domingo, 10 de fevereiro de 2019

O ex-marido da empresária Maria da Conceição de Lima Barbosa contratou


dois pistoleiros de Alagoas para executá-la. A informação é da Polícia Civil, que, nesta quinta-feira (7), prendeu mais um suspeito do crime, o terceiro. Outros dois homens já estavam presos, em janeiro. Maria da Conceição tinha 56 anos e foi assassinada em novembro, no interior do Rio Grande do Norte.
Luiz Hugo Vital Barbosa, 57, ex-marido dela e apontado pelas investigações como o mandante do crime, morreu em um acidente de carro no dia 30 de janeiro. Um dia antes, segundo a polícia, ele ficou sabendo que um dos homens que estavam presos o havia delatado.
De acordo com o delegado Erick Gomes, titular da Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deicor), dois homens foram contratados para executar a empresária e cada um deles recebeu R$ 2 mil pelo serviço.
Depois de presos, os pistoleiros disseram aos investigadores que o mandante era Luiz Hugo. “Há também conversas nos celulares deles que apontam situações nesse sentido”, afirma o delegado.
Os executores chegaram a passar mais de uma semana em Santo Antônio, onde Maria da Conceição morava e administrava seu negócio, para planejar o assassinato. Os custos de estadia e aluguel de carro para eles, segundo a Polícia Civil, foram bancados pelo ex-marido da empresária.
Até o momento, três pessoas foram presas: os atiradores e também um homem responsável por alugar o carro para a fuga. Maria da Conceição de Lima Barbosa foi morta com tiros de espingarda calibre 12 e também de pistola.
Investigação
A Polícia Civil chegou aos autores depois de encontrar o veículo usado por eles no crime, um Gol, incendiado em uma estrada de terra na cidade de Brejinho, interior potiguar. Apesar de o automóvel estar queimado, foi possível identificar o carro através do número do chassi, que não foi danificado pelas chamas. A partir daí, foi possível rastrear os criminosos.
A Polícia Civil ainda quer descobrir quem intermediou o contato entre Luiz Hugo e os pistoleiros. Os presos não falaram sobre isso aos investigadores. Além dessa questão, os policiais tentam também identificar a real motivação do crime, bem com esclarecer o acidente que resultou na morte do ex-marido de Maria da Conceição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Homem morre atropelado por suspeito que fugia com carro roubado em Campina Grande

Um homem que estava sentado na frente de casa morreu depois de ser atropelado por um homem suspeito de roubar um carro, em Campina Grande....