quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

Foto que sugere beijo do papa Francisco em líder muçulmano viraliza


viagem do papa Francisco aos Emirados Árabes Unidos, de ampla maioria muçulmana, em busca de paz no Oriente Médio, foi a primeira de um líder máximo do catolicismo à região.
Mas o que chamou mais a atenção na visita até o momento foi uma foto pouco abonadora para ele.
Na segunda-feira (4), em um dos compromissos em Abu Dhabi, uma das principais cidades dos EAU, o papa se encontrou com o imã egípcio Ahmed al-Tayeb.
Os dois líderes religiosos assinaram uma declaração a favor da paz mundial, pedindo o fim das guerras no Oriente Médio.
Após a assinatura do documento, os dois se cumprimentaram com um beijo no rosto. No entanto, uma foto tirada do momento sugere um beijo na boca. A imagem rodou o mundo.
“Eu beijei o papa e gostei disso”, brincou um internauta, parodiando a canção “I Kissed a Girl”, de Katy Perry, que fala de uma relação homossexual “para experimentar”.
“Então o papa pode beijar homens, mas outros homens não podem?”, brincou outro.
A história fica ainda mais curiosa devido a uma grande coincidência: o mesmo imã egípcio já foi retratado beijando um papa -no caso, Bento 16- em uma campanha publicitária da Benetton veiculada em 2011.
Na peça, a grife italiana fez montagens com líderes mundiais antagônicos se beijando.
Houve uma grande polêmica, e a Igreja Católica fez um acordo para que a imagem fosse tirada de circulação.
O papa Francisco fica nos Emirados Árabes até esta terça-feira (5). Na última aparição pública no país, ele participou de uma missa em um estádio para cerca de 170 mil pessoas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Morre jovem vítima de explosão e incêndio em apartamento

Do G1 - Morreu na noite de terça-feira (12) ajovem vítima de uma explosão e incêndio em um apartamento no Parque Industrial em São José do...