terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

Acusada de matar o pai no Giselda Trigueiro ganha a liberdade


Despacho do 3º Juiz de Direito Auxiliar, José Armando Ponte Dias Júnior, da Segunda Vara Criminal de Natal, com  data de segunda feira, 04 de fevereiro, traz a revogação da prisão preventiva de Fernanda Daniely de Oliveira Rocha, 27 anos, acusada de matar o pai José Evangelista da Rocha (60 anos). Fato este ocorrido na Unidade de Tratamento Intenso (UTI) do Hospital Giselda Trigueiro, em Natal em janeiro de 2019.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dono de oficina de motos é assassinado a tiros em Parnamirim/RN

O dono de uma oficina e loja de venda de peças de motocicletas foi assassinado a tiros na manhã desta terça-feira (23) em Parnamirim, ci...