segunda-feira, 7 de janeiro de 2019

Soldado morto na Linha Amarela mandou mensagem ao pai horas antes de ser baleado; corpo é velado

Policial militar Daniel Henrique Mariotti é o 1º agente de segurança assassinado em 2019 no RJ — Foto: Reprodução/TV Globo.via G1
Horas antes de ser baleado na cabeça na Linha Amarela, no sábado (6), o soldado Daniel Henrique Mariotti enviou uma mensagem ao pai na qual agradecia e reforçava seu amor.
O corpo do PM, que morreu horas depois no hospital, está sendo velado na tarde deste domingo (7) no Jardim da Saudade de Sulacap, Zona Oeste do Rio, onde será enterrado.
“Pai, estou estou escutando um louvor, e me veio a lembrança da minha infância e de tudo o que passamos juntos”, escreveu. “Queria te agradecer por tudo que fez e ainda faz por mim”, continuou.
Mariotti tinha 30 anos e um filho de 3 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Moro autoriza envio da Força Nacional para combater desmatamento

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, autorizou hoje (24) o uso de efetivo da Força Nacional para apoiar o Instituto N...