quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

APÓS PASSAR MAL, JOÃO DE DEUS RECEBE ALTA DO HOSPITAL E VOLTA PARA A CADEIA


O médium João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, recebeu alta médica do Hospital de Urgências de Goiânia (HUGO) na madrugada desta quinta-feira (3/1), após passar mal no Núcleo de Custódia, em Aparecida de Goiânia. João de deus foi submetido a exames laboratoriais e de imagem no HUGO, mas os resultados não mostraram alterações que indicassem necessidade de internação hospitalar e teve de voltar para o Complexo Prisional, onde passa por acompanhamento ambulatorial. As informações são da CBN Goiânia.
De acordo com informações confirmadas pela Diretoria-Geral de Administração Penitenciária de Goiás (DGAP), durante uma consulta de rotina nas celas na última quarta-feira (2/1)  foi identificado um sangramento na urina de João de Deus. Ele, então, foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), para realização de exames.
Na UPA, exames preliminares identificaram que o médium está com infecção urinária e, por isso, ele foi encaminhado, por volta das 20 horas, ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo) para se submeter a exames de alta complexidade. Com os resultados  dos exames, os médicos constataram que, o líder religioso está com infecção urinária.
Os resultados, entretanto, não mostraram alterações que indicassem necessidade de internação hospitalar e João de Deus teve de volta para o Complexo Prisional, onde passa por acompanhamento ambulatorial.
Segundo informações apuradas pelo Dia Online, o médium, preso desde o dia 16 de dezembro do ano passado, teve sangramentos na urina e sentiu fortes dores na região do estômago.
‘Saúde frágil’ de João de Deus é um dos argumentos da defesa para pedir sua liberdade
A saúde do médium João de Deus, assim como sua idade avançada – ele tem 76 anos -, são uns dos principais argumentos da defesa dele para pedido de prisão domiciliar. A defesa ainda enfatiza um câncer que teve no estômago e as sequelas na saúde do médium deixadas pela doença.
Quando passou mal, um de seus advogados, Alex Neder, disse a um jornal que João de Deus estaria “muito abalado e disse que ficou preocupado quando começou a passar mal. Os médicos dele são de São Paulo. Ele tem medo de ter hemorragia ou outro problema e não ser operado urgentemente pelos médicos dele, em quem ele confia”, afirmou Neder.
João de Deus está preso suspeito de abusos sexuais contra mulheres durante atendimentos espirituais na Casa Dom Inácio de Loyola, mantida por ele na cidade de Abadiânia. Ele é investigado também pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Homem morre em grave acidente de moto em Olho D’água

Um grave acidente foi registrado na tarde deste domingo, dia 23 de junho, na cidade de Olho D’água. Segundo as primeiras informaçõe...