quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Suspeito de participar da morte do Cabo Ildônio morre em confronto com a PM


O Grupo Tático Operacional (GTO) de Caraúbas (comandado pelo Tenente Julio Batista)  tentou prender o suspeito nº 1 na morte do Cabo Ildônio José – executado com tiro de Escopeta Cal. 12 quando se deslocava para a faculdade em um ônibus escolar no mês de agosto deste ano – mas foi recebido a tiros pelo criminoso Vantuir Lima.
Na iminência de ser atingido, o grupo policial abriu fogo para se defender. O malévolo foi atingido por tiros e na sequência socorrido com vida para o hospital de Caraúbas, morrendo antes de dar entrada naquela unidade hospitalar. A Polícia Militar tinha um único objetivo, prender o investigado, mas a ação não saiu como

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Um bebê prematuro, de mais ou menos 30 semanas, foi jogado da janela do

banheiro de um dos apartamentos do Condomínio Jardins do  Planalto, na Alameda dos Cajueiros, na tarde deste domingo, 17. A Polícia Mi...