sábado, 10 de novembro de 2018

Preso na ação da Polícia Federal em MG jogou R$ 3 mil na privada


Um dos presos na Operação Capitu, deflagrada nesta sexta-feira (9) pela Polícia Federal em Minas Gerais, escondeu R$ 3 mil reais na privada de sua casa para evitar a apreensão do dinheiro.

O advogado Mateus de Moura Lima Gomes é apontado como principal operador financeiro de Antônio Andrade (MDB), vice-governador de Minas Gerais e ministro da Agricultura entre 2013 e 2014. Andrade também foi preso pela investigação que mira pagamento de propina da JBS ao ministério e a políticos do MDB.
(mais…)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Armas apreendidas e homens presos em ação policial no Seridó do RN

Uma tentativa de homicídio em Carnaúba dos Dantas no Seridó do RN resulta em prisões e homens presos segundo as informações chegadas é q...