domingo, 4 de novembro de 2018

Partos de venezuelanas quase quadruplicam na rede pública de Roraima em 3 anos


Às 4h de 18 de outubro de 2018 mais uma venezuelana deu à luz em Boa Vista, a capital de 375 mil habitantes que já tem cerca de 10% da população vinda do país vizinho. Foi a segunda em 15 minutos.

O bebê, um menino de pele rosada chamado Samtyago Diaz, veio ao mundo de parto normal. Se juntou a uma nova (e crescente) geração, a dos “brasilanos”, os brasileiros filhos do êxodo venezuelano que nascem todos os dias em Roraima – estado que, na contramão do país, vê a taxa de natalidade aumentar.

De janeiro a setembro, dado mais recente disponível, foram 1.024 partos de venezuelanas na única maternidade pública do estado, 80% a mais que os 566 partos de venezuelanas em todo o ano de 2017 e 255% mais que os 288 de 2016. Os números estão ainda distantes dos 9.343 partos totais registrados na unidade em 2017, mas, relativamente, a estatística não para de crescer.
(mais…)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O mototaxista Gerson Kennedy, de 23 anos, que estava desaparecido desde a última segunda-feira (12), após sair de Santo Antônio do Salto da ...