quarta-feira, 28 de novembro de 2018

Mortes por Aids crescem 208% no Rio Grande do Norte em 10 anos

Dados são do Ministério da Saúde e foram divulgados nesta terça-feira (27). Coeficiente de mortalidade no Rio Grande do Norte passou de 1,2 em 2007 para 3,7 óbitos por 100 mil habitantes em 2017.O coeficiente de mortalidade por Aids aumentou 208% no Rio Grande do Norte em dez anos. Os dados são do Ministério da Saúde e foram divulgados nesta terça-feira (27). De acordo com o levantamento, o coeficiente de mortalidade passou de 1,2 em 2007 para 3,7 óbitos por 100 mil habitantes em 2017.Em números absolutos o aumento foi de 251%, passando de 41 mortes por Aids em 2007 para 144 óbitos em 2017. Para o coordenador do Programa Estadual DST/Aids, Sérgio Cabral, o aumento de óbitos se deve ao crescimento do número de pacientes que abandonam o tratamento. “Estamos fazendo um trabalho de acolhimento desse paciente, para conscientizar sobre a importância do tratamento e diminuir os casos de abandono”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caçamba em zigue-zague e sem farol por pouco não causa tragédia em Assu

Na noite deste sábado, 25 de maio, policiais do NPRE de Assu foram acionados com a informação de que um veículo tipo caçamba por pouco nã...