sexta-feira, 5 de outubro de 2018

Lulistas ainda botam fé na ONU


A defesa de Lula vai entrar com um recurso no TRF-4 para que o juiz Sergio Moro não julgue a ação penal envolvendo o instituto que leva o nome do ex-presidente e um apartamento em São Bernardo do Campo até que o Comitê de Direitos Humanos da ONUdecida sobre o mérito do processo movido pelo petista na entidade.

Foi neste caso que o Ministério Público Federal pediu nova condenação de Lula nesta quinta (4). O petista alega que é vítima de uma caçada desleal de órgãos de Justiça. A expectativa é a de que a ONU só trate do assunto em março de 2019.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

TENTATIVA DE HOMICÍDIO NO BOM JARDIM EM MOSSORÓ-RN

Mais um crime de tentativa de homicídio foi registrado pelo Centro de Integrado de Operações da Polícia Militar (CIOSP),na madrugada  deste...