sábado, 13 de outubro de 2018

Brasil vai investir R$ 90 milhões na identificação de presos


O Ministério da Segurança Pública vai investir R$ 90 milhões para realizar, até o ano que vem, o cadastro biométrico dos 726 mil presos do sistema carcerário nacional. O valor, oriundo do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen), também será utilizado para aprimorar a aplicação de penas alternativas e o monitoramento eletrônico no País.

O anúncio foi feito nesta semana pelo ministro da segurança Pública, Raul Jungmann, à plenária do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Além do cadastro biométrico, a medida também deve permitir a emissão de documentos de identificação aos presos, como carteiras de identidade e CPF.
(mais…)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Banco do Brasil de Assu fecha hoje (22) apartir das 18hs e só retorna dia (25)

Em virtude da reforma que esta sendo realizado na agencia do Banco do Brasil em Assu, na porta da agência a gerência deixou o aviso; ...