sexta-feira, 6 de julho de 2018

Por Robson Pires, emNotas

O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad passará a atuar como advogado em processos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ter acesso livre ao petista. Lula está preso desde o dia 7 de abril, na superintendência da Polícia Federal, em Curitiba (PR), onde cumpre pena de 12 anos e um mês, pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

Nesta sexta-feira (6), de acordo com informações da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, Haddad deve encontrar-se com o ex-presidente, a fim de fechar a estratégia de registro da candidatura dele no TSE, além de ajustar o plano de governo.

Haddad é formado em Direito pela Universidade de São Paulo (USP), mestre em Economia e doutor em Filosofia. Nos últimos meses, também vem sendo apontado como “plano B” à candidatura do ex-presidente.

“Ele pediu para eu vir aqui todos os dias para fecharmos o programa de governo, para que o plano Lula possa ser mostrado ao Brasil“, disse Haddad, na última quinta-feira (28), após visitar o ex-presidente.

Na ocasião, questionado sobre ser a alternativa de Lula na corrida presidencial, Haddad mais uma vez desconversou, ressaltando que o povo quer votar em Lula.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Rádio patrulha captura foragido da justiça em Assú após vias de fato

Após um chamado através do 190, informando de uma briga entre vizinhos na comunidade rural de Mutamba da Caeira, na tarde de sexta-feira, ...